Archive for 2017

A Salvo Comigo de K. L. Slater


«Sinto algo a roçagar‑me a mão e olho de relance para os dedos feridos do condutor, que se fecham à volta dos meus.  Os seus olhos azul‑ardósia estão raiados de sangue e muito abertos, mas parece alheado de todas as pessoas de pé à sua volta, como se não conseguisse ver mais nada além da minha cara.  Inspira fortemente e olha diretamente para mim. — Ajuda‑me — sussurra.»


Há treze anos, alguém destruiu a vida dela. Agora, a vingança está ao seu alcance…

Anna é uma rapariga solitária que procura o equilíbrio na sua vida apoiando-se nas rotinas diárias. Não gosta de se aproximar das outras pessoas, pois conhece demasiado bem os danos que elas podem causar.

Até que, um dia, testemunha um acidente e reconhece a culpada: é Carla, a mulher que arruinou a sua vida no passado. Esta é a sua oportunidade de vingança. O primeiro passo é aproximar-se de Liam, o homem ferido no acidente, para poder seguir de perto a investigação policial.

Quando Carla também se aproxima de Liam, Anna percebe quais são as reais intenções de Carla: manipulá-lo… Mas ela não deixará que isso aconteça e tudo fará para proteger Liam e desmascarar esta impostora.

À medida que a obsessão de Anna por Carla se intensifica, outros segredos vão sendo revelados, mostrando que o perigo, afinal, pode vir de onde menos se espera.


 
K. L. Slater é uma nova voz do thriller psicológico que em poucos meses viu o seu romance de estreia, A Salvo Comigo, alcançar o topo das tabelas de vendas internacionais.

Também escreve livros de ficção YA, multipremiados, com o nome Kim Slater.

Mora em Nottingham, no Reino Unido, com o marido e os três filhos.

Saiba mais sobre a autora em www.klslaterauthor.com.

Posted in , | Leave a comment

Passatempo Twin Peaks - Oferta de um livro (estreia da série dia 28 de maio)


  A participação resume-se a:

1 - Fazerem "Gosto" na página do facebook da editora Suma de Letras e na do  Livros e Marcadores (se ainda não tiverem feito).
 

2 - Preencher o formulário com os vossos dados (apenas terão que fazer este passo a 1ª vez).

3 -Partilhar (partilha tem que ser pública, não só para amigos) a publicação  do nosso facebook deste passatempo no vosso mural do facebook através da nossa página Livros e Marcadores escrevendo nos comentários o nome de 2 amigos vossos do facebook.


Link da publicação a partilhar no facebook aqui



Nota: Cada participante pode concorrer as vezes que entenda (aumentando a possibilidade de ganhar) desde que os 2 amigos mencionados sejam diferentes dos mencionados anteriormente por si


Posted in , , | Leave a comment

Passatempo: Aqueles Que Merecem Morrer de Peter Swanson




Editoral Presença em parceria com o Blog Livros e Marcadores, oferece um exemplar do livro " Aqueles Que Merecem Morrer de Peter Swanson"  a um dos participantes neste passatempo. 


- Só são aceites participações de Portugal válidas (respostas correctas)
- Apenas uma participação por pessoa
- São aceites participações até dia 31 Maio.
- A editora não se responsabiliza por eventuais extravios.



Para mais informações consulte o site da Editorial Presença aqui.
Pode ler a nossa opinião aqui 

Posted in , | Leave a comment

Resultado Passatempo: Isabel Zendal - A Paixão de Salvar o Mundo de Javier Moro









O blog Livro e Marcadores e a Editora Planeta agradecem as 136 participações. 

O(a) vencedor(a) foi:  






39 - Madalena Freitas da Silva Almeida  -  Guimarães





Parabéns
A equipa do "Livros e Marcadores"

Posted in , | Leave a comment

Opinião: Aqueles Que Merecem Morrer de Peter Swanson


«Partilha os mesmos pontos fortes que Em Parte Incerta mas é ainda melhor.»
Entertainment Weekly
 

Para mais informações consulte o site da Editorial Presença aqui.


 

Ted Severson e Lilly Kintner conhecem-se num aeroporto de Londres. Conversam e bebem demasiados martinis enquanto aguardam pelo embarque num voo para Boston. Embalados pela bebida, os dois iniciam um estranho e arriscado jogo em que revelam pormenores da sua vida privada. Ted conta que a mulher, Miranda, o trai, chegando a dizer que tem vontade de a matar. Para sua surpresa, a enigmática Lilly mostra -se disposta a ajudá-lo. Se todos nós morremos, que diferença fará punir pelas próprias mãos quem merece ser punido? Mas Lilly não revela a Ted o seu passado tortuoso e sinistro. Assim começa uma perigosa e fatal corrida contra o tempo.

O autor escreve magistralmente, deixando o leitor em estado de permanente tensão, choque e expectativa mantendo-o dentro do seu jogo psicológico. Um livro impregnado de ação, suspense e adrenalina, reviravoltas e imprevisibilidade. Figurou durante meses em todas as listas de bestsellers do Reino Unido.
. .




Eu gosto dos livros por múltiplas razões. 


Um livro pode conquistar-me com vários argumentos: por personagens extraordinárias, pela intensidade da história, pela sobriedade e arrojo da escrita, pelos revés ou imprevisibilidade do enredo, entre outros. Neste caso  o que para mim me fascinou e sobressaiu foi a mecânica da escrita! A forma eficaz como estava estruturada a trama e as perspectivas das personagens!

A escrita é clara, com grande potencial e se o leitor estiver atento facilmente consegue perceber o cuidado com o detalhe das cenas. Como exemplo chamo a atenção para a interessante descrição que o autor dá às personagens que têm um cigarro (!) e como esses gestos revelam por si só um estado de espírito (ansiedade, nervosismo, determinação,...) ou uma atitude, contextualizando e credibilizando a personagem. A descrição utilizada é meticulosa mas subtil construindo realistas cenários e criando um ambiente sóbrio.

Quanto à estrutura.
O livro é dividido em 3 partes. A primeira "As regras dos bares de aeroporto", a segunda parte (p128) aparece a 46% do livro: "A casa em obras" e a terceira (p217), a 78% do livro trás o desfecho da história e dá pelo nome de "Esconder bem os corpos".

Os narradores não são estáticos, isto é, em cada capítulo há no mínimo 2 perspectivas - 2 narradores, contudo, de capitulo para capitulo há personagens secundárias que ganham protagonismo e ascendem a narradores. O alternar entre perspectivas é acompanhado por oportunos flashbacks. O efeito conseguido com estes mecanismos não só serve para dar uma visão mais ampla ao leitor, serve também a trama trazendo mistério e suspense quanto aos eventos futuros.
 
A história é cativante, simples e ainda assim muito suculenta como eu gosto. 

Peter Swanson tem um potencial imenso, com uma aparente simplicidade no enredo e na evolução da história dá fluidez à leitura e esconde atributos e uma complexidade invejável na trama.

Quanto às personagens, Lily é peculiar e com uma moral muito própria e ajustada aos seus interesses. Consegue com relativa facilidade criar empatia com o leitor.

Quando comecei a ler o livro, desde logo comecei a tecer uma teoria da hipotética evolução e desfecho do livro, tudo parece fácil e discernível, mas será assim tão linear? Prepare-se porque o autor vai surpreendê-lo como me surpreendeu a mim. Não confie nas suas certezas porque o autor não tem problemas de dar voltas de 360º! A partir da primeira reviravolta coloquei tudo em dúvida...

Recomendo. Um livro que não vai querer perder.










Posted in , , | Leave a comment

Resultado Passatempo: A Rainha Subjugada de Philippa Gregory









O blog Livro e Marcadores e a Editora Planeta agradecem as 134 participações. 

O(a) vencedor(a) foi:  






16 - Jorge Manuel Sá Martins - S.Martinho de Sardoura



Parabéns
A equipa do "Livros e Marcadores"

Posted in , | Leave a comment